Nasa cancela envio a Marte de câmeras 3D feitas com Cameron


A NASA arquivou um projeto de sistema de câmeras especiais em 3D que fazia parte da missão chamada Curiosity, em Marte. O diretor James Cameron era um dos integrantes da equipe da missão. O projeto teria sido arquivado porque não haveria tempo para terminá-lo a tempo do lançamento, em novembro deste ano. As informações são do site cnet.com.
O sistema está em fase final de desenvolvimento, mas devido às dificuldades técnicas os técnicos acreditaram que não seria possível entregar no prazo. O deadline inicial era dezembro passado. O sistema continha duas câmeras: uma fotográfica com lentes de 100 mm e uma filmadora com lentes de 34 mm.
"Por enquanto a Curiosity não se beneficiará do movimento em 3D que essas câmeras permitem, mas eu estou certo de que no futuro elas terão um grande papel em outras missões", afirmou James Cameron.
A "missão" era fazer observações em Marte e avaliar se o planeta poderia suportar a vida microbiana. O orçamento previsto da Curiosity era de US$ 2,4 bilhões. 

Projeto de impressora 3D imprime chocolates de verdade


Imagine chegar em casa, "morrendo de fome" e, ao invés de tirar da geladeira os ingredientes para começar a preparar sua refeição, simplesmente apertar o botão de uma impressora e, depois de alguns minutos, voilá, sua comida está pronta.
É o que pode acontecer se o projeto criado pelo brasileiro Marcelo Coelho, ligado ao famoso Massachussets Institute of Technology, o MIT, nos Estados Unidos, em parceria com o israelense Amit Zoran, virar realidade a ponto de ser comercializado. Desenvolvido desde o início de 2010, o projeto Cornucopia tem como objetivo criar uma impressora 3D de comida.
Por enquanto, a impressora 3D é formada por um braço robótico que prepara alimentos e um mixer turbinado, mas segundo Marcelo, o projeto ainda vem sofrendo modificações. Com a invenção, eles pretendem aumentar a criatividade na cozinha, fornecendo um instrumento inovador que ajude os usuários a pensar em novas receitas. No entanto, ele afirma que as técnicas utilizadas na impressora são as mesmas que sempre foram usadas para preparar alimentos.
O primeiro protótipo do projeto, chamado Digital Fabricator, usava cápsulas semelhantes aos cartuchos de impressora a jato de tinta, porém, com ingredientes para fazer um almoço. A receita era escolhida pela tela do aparelho. Segundo Marcelo, a impressora, que tem acesso à internet, prepara os ingredientes com modelagem milimétrica e precisão de temperatura. É possível também regular a umidade dos alimentos.
Já o braço mecânico, chamado de Robotic Chief, corta os alimentos a laser, insere os temperos através de seringas e cozinha a mistura em uma placa aquecida. O aparelho é ainda equipado com um mixer batizado de Virtuoso Mixer, que tem anéis giratórios com dispensadores - uma espécie de tubo - que armazenam os ingredientes.
Esses dois protótipos é que deram origem à Digital Chocalatier, chocolateira digital ou ainda impressora de chocolate 3D. Ela permite que o usuário prepare chocolates a partir de uma interface, de um "carrossel de ingredientes" e de um copo com depósito termoelétrico.
Para tanto, basta escolher e combinar os ingredientes armazenados em cada tubo do carrossel para criar seus doces personalizados. O carrossel gira e coloca os ingredientes no depósito termoelétrico, que rapidamente gela e endurece o chocolate. A interface, por sua vez, possibilita o usuários de salvar e classificar os doces de acordo com a qualidade e com seu gosto pessoal.
"A impressora está em fase de desenvolvimento. O plano é continuar melhorando essa tecnologia e aumentar a quantidade de ingredientes", contou Marcelo Coelho. Apesar do processo de patenteamento ainda estar em curso, o brasileiro se motrou otimista quanto ao futuro do seu produto: "comercialmente é bastante viável e só precisa de um pouco mais de desenvolvimento".
Ele ainda afirmou que o grande objetivo da impressora é "trazer a mídia digital para o mundo da gastronomia, com todas as propriedades que o mundo digital oferece para se manipular informações e conectar as pessoas".
Atualmente, a grande dificuldade é, segundo Marcelo, desenvolver válvulas que possam controlar o fluxo de diversos alimentos de "forma compacta e fácil de limpar". O principal desafio é fazer com que a impressora seja fabricada em larga escala e seja usada pelas pessoas em suas casas.

3D sem óculos e em dispositivos móveis é o futuro, diz revista


O grande "boom" do 3D ainda pode estar por vir. A chave pode estar nos dispositivos em 3D que dispensam o uso de óculos de acordo com texto recente da revista New Scientist. O mercado de televisores ainda pode balançar muito com as futuras mudanças e a novidade pode acabar sendo um verdadeiro divisor de águas, ainda que as previsões digam que esteja um pouco distante.
Dispositivos como o Nintendo 3DS e as câmeras 3D Fujifilm permitem a visão tridimensional sem óculos, mas são restritos a jogos e fotos, respectivamente. Além disso, a tecnologia ainda tem certas limitações. Se o jogador do Nintendo se mover em determinada forma, pode "perder" a visão em 3D. O Optimus 3D, smartphone da LG, também possibilita a visão tridiomensional sem óculos, o que já acontece no Evo 3D, da HTC. Todos esses aparelhos apontam para um novo caminho dentro da tecnologia 3D.
No caso da televisão, no entanto, informa a revista New Scientist as companhias estão só na tentativa, por enquanto, ou lançando aparelhos com limitações. A Toshiba lançou a Regza GL1 em dezembro do ano passado no Japão. Com o dispositivo, é possível enxergar em 3D sem óculos, mas somente a, no máximo, um metro da televisão e em um ângulo de até 40 graus. A estimativa da Samsung, inclusive, é pessimista. A empresa acredita que o lançamento da televisão com 3D sem óculos será "muito difícil" em menos de 10 anos.
Para o futuro, a aposta da New Scientist é de que, com a demora para o advento das televisões sem óculos, a perspectiva seja muito boa para o mercado de dispositivos móveis por um bom tempo. Além do Optimus 3D da LG e do Evo 3D da HTC, a revista lembrou que o Google já está com um aplicativo 3D do YouTube em funcionamento no Android e deve ser uma das empresas que mais venha a ganhar com a popularização do 3D. Por ora, é esperar esses smartphones chegarem aos mercados para descobrir o a terceira dimensão pode fazer por um celular.

Para executivo da Dell, iPad é caro e falhará nas empresas


O executivo global de marketing da Dell, Andy Lark, acredita que o iPad não será um sucesso entre clientes empresariais. Ele ainda afirmou que eles devem ser substituídos por trablets Android. As informações são do site Mashable.
"A Apple é ótima se você tem muito dinheiro e vive em uma ilha. Ela não é ótima se você tem que existir em um diverso, aberto e conectado empreedimento. Coisas simples podem se tornar muito complexas", disse Lark.
A Dell pretende lançar um tablet baseado em Android nos próximos meses, o que pode estar motivando as declarações do executivo.
O modelo mais barato do iPad 2 custa US$ 499 nos EUA sem itens opcionais.  

Câmera digital da Samsung usa smartphone como controle remoto


A câmera SH100, da Samsung, vai conversar com a linha de smartphones Galaxy, com Android, para que o fotógrafo comande os cliques a alguns metros de distância. O anuncio da novidade foi feito durante o Samsung Forum, realizado na terça-feira, em Santiago, no Chile.
A SH100, de 14,1 megapixels de resolução, tem Wi-Fi embutido tanto para enviar as fotos para o computador/notebook quanto para subir as imagens no Facebook, Picasa e outras redes sociais, ou para mandá-las por alguém por email. Compatível com a tecnologia de comunicação DLNA, a SH100 chega nos próximos meses ao mercado brasileiro, mas a Samsung não divulgou o preço ainda.
Transformar o Galaxy S em um controle remoto da câmera é interessante para quem passa por situações difíceis, como por exemplo, para fotografar o palco naquele show lotado - você levanta a câmera sobre a multidão à sua frente e vê o que ela está enxergando na tela do smartphone (função Remote Viewfinder). Ou então para aquelas imagens de grupos, para confirmar que vai sair todo mundo quando o disparador agir após o timer. E também para acionar o GPS do telefone para marcar geograficamente as fotos.

Facebook fecha página que incitava violência contra judeus


O Facebook fechou uma página nesta terça-feira que incitava palestinos a "pegarem armas e agirem" contra Israel. O fechamento da página veio depois de pedidos de israelenses e do governo do país. As informações são da Associated Press.
A página tinha 350 mil fãs e foi apagada. Ela pedia para os palestinos pegarem em armas no próximo dia 15 de maio e começarem uma revolução contra Israel. Intitulada Third Palestianian Intifada, a página dizia: "O dia do julgamento será trazido para nós uma vez que os muçulmanos matem todos os judeus."
O Facebook afirmou que não agiu antes porque a página começou como um "protesto pacífico", apesar do termo "Intifada", que em árabe quer dizer "revolta" e é frequentemente usado em movimentos para contra a presença de Israel nos territórios ocupados.
O fato destacou como o Facebook tem tido que se envolver no gerenciamento de conflitos políticos, tentando estabelecer um equilibrio entre liberdade de expressão e proteção contra discursos de ódio.

Dispositivo permite criar música com a mente

Um novo dispositivo poderá criar e tocar música somente através da atividade cerebral. O professor espanhol de música Eduardo Miranda diz ter criado uma interface que reconhece os impulsos neurológicos e os transforma em notas musicais. As informações são do diário 20 minutos, da Espanha.
Para usar o dispositivo, é preciso usar um chapéu chamado "ECG", que tem vários sensores. Cada sensor corresponde a uma nota musical. Eles são ativados quando os usuários focam o pensamento nas notas.
Miranda tem tentado utilizar o dispositivo para fazer da música uma terapia há anos. Desde então, ele tem investido o seu tempo para "buscar formas de fazer música pelas ondas cerebrais".

Concorrente da Samsung ao MacBook Air chega em maio ao País


A Samsung vai lançar em maio no mercado brasileiro seu novo notebook Série 9, com design ultrafino e tela de 13 polegadas com promessa de alto desempenho. A informação foi divulgada nesta terça-feira pela empresa durante o Samsung Forum, em Santiago do Chile.
A máquina, que pesa 1,31 kg, tem espessura de 16,3 mm e conta com processador Intel Core i5 de última geração, 4 GB de memória, 128 GB de armazenamento (em disco SSD) e bateria com duração estimada em 7 horas de uso.
O notebook da Série 9, de acordo com a Samsung, será vendido pelo preço sugerido de R$ 4.999. Seu principal concorrente hoje é o MacBook Air, da Apple, que, com configuração similar (tela de 13″ e 128 GB de armazenamento), custa em torno de R$ 4.499.

Componentes do Japão ainda preocupam empresas de tecnologia

As preocupações quanto ao suprimento de componentes continuavam a pesar sobre o setor de tecnologia na terça-feira, em função do devastador terremoto e tsunami que atingiram o Japão em 11 de março e prejudicaram a produção e entrega de peças essenciais. A finlandesa Elcoteq, que monta celulares e decodificadores de televisão para muitas marcas mundiais, alertou que enfrenta riscos de volume e de lucratividade, em curto e médio prazo, devido ao desastre no Japão.
A Elcoteq disse que os clientes estão preocupados quanto à alocação de componentes, e que prevê que a solução do problema será demorada. "Alguns de nossos clientes estão preocupados não só com o segundo e terceiro trimestres, mas com o longo prazo", disse o presidente-executivo da companhia, Jouni Kartikainen, acrescentando que por enquanto o impacto não foi severo.A Elcoteq, que vem sendo fornecedora importante da Nokia e da Research in Motion (RIM), fabricante do BlackBerry, tem as duas empresas entre seus 10 maiores clientes. Outros nomes dessa lista incluem Huawei , Philips, LG Electronics e Sony Ericsson.
A Nokia, maior fabricante mundial de celulares, pelo critério de volume, alertou na semana passada que haverá escassez de alguns de seus modelos devido aos problemas na cadeia de suprimentos, mas que o impacto sobre os resultados será limitado. A Ericsson e a Alcatel-Lucent, duas das maiores fabricantes de equipamentos de telecomunicações, afirmaram em 16 de março que o desastre provavelmente afetará seus suprimentos, mas elas ainda não conseguiram quantificar o impacto. A Ciena, fabricante de produtos para redes, informou na terça-feira que o desastre exerceu "pouco ou nenhum" impacto sobre sua cadeia de suprimento porque nenhum dos componentes que utiliza é obtido exclusivamente no Japão.
"Estamos monitorando a situação atentamente e trabalhando com nossos fornecedores para determinar que impacto, se algum, o desastre natural pode ter em longo prazo", disse o vice-presidente sênior do grupo de produtos global da Ciena, Philippe Morin, à Reuters

Entenda por que nem todos enxergam as imagens em 3D


As imagens tridimensionais que são transmitidas em cinemas ou televisores 3D funcionam da seguinte maneira: duas imagens são geradas simultaneamente, passam pelos óculos, que as separam para que cada olho enxergue apenas uma delas. No cérebro, ocorre o processo da fusão binocular, momento em que as imagens são unidas e geram a sensação tridimensional.
Mas você sabia que nem todas as pessoas do planeta conseguem enxergar as imagens tridimensionais? Justamente porque possuem dificuldade em realizar a fusão binocular, as imagens não chegam ao cérebro da maneira correta.
A visão binocular é, em suma, o nome dado à visão somada dos dois olhos. Há uma série de vantagens geradas por este tipo de visão. Pessoas com problemas sérios em um dos olhos, por exemplo, podem continuar enxergando, pois se um dos olhos estiver em condições, o outro passa a ser menos requisitado.
Isto acontece com frequência em pacientes que apresentam uma das doenças recorrentes do estrabismo, como a ambliopia (também conhecida como doença do 'olho preguiçoso'). Este tipo de paciente costuma possuir um dos olhos em condições aceitáveis para a visão, mas o outro funciona apenas como acessório.
Segundo o Doutor José Joaquim Junior (médico oftalmologista da Clínica de Olhos José Joaquim Junior, em Curitiba), problemas na visão binocular têm como principal consequência a perda de noções de profundidade e também a redução na angulação total do campo de visão natural (que para um ser humano com visão perfeita, chega a um arco de 200 graus). E, como você já deve ter reparado, noções de distância e profundidade dos objetos são de extrema importância para que não saiamos tropeçando pela casa ou pelas ruas. Esta sensação é chamada de estereopsia (visão estéreo), principal mecanismo dos olhos para a fusão das imagens no cérebro.
Como você já deve ter percebido, os conceitos inseridos neste artigo não dizem respeito apenas à anatomia ocular e à oftalmologia, mas também à tecnologia aplicada aos cinemas e televisores 3D. Afinal de contas, é com muitos estudos sobre a visão que os engenheiros conseguem produzir aparelhos capazes de gerar imagens tridimensionais para seus usuários.
Os óculos 3D são responsáveis por facilitar o processo da visão binocular, pois em vez de serem enxergadas imagens semelhantes nos dois olhos, cada um deles irá receber uma imagem diferente (como pode ser visto em óculos com lentes ciano-magenta). Assim, cada um dos olhos será responsável pela captação de partes pré-determinadas da imagem.
Com cada globo ocular captando imagens diferentes, o processo de fusão será feito de um modo programado. Deste modo, mesmo estando em planos bidimensionais, os vídeos podem ser percebidos de maneira tridimensional.
E quem não enxerga em 3D?
Como já foi dito, quando os olhos não estão alinhados perfeitamente, a estereopsia é afetada e, consequentemente, a fusão fica debilitada. O Doutor José Joaquim Junior afirma que quanto maior o desvio ocular do paciente, menor será a capacidade de fusão. Resumindo, a grande maioria dos pacientes com estrabismo moderado ou grave não pode enxergar as três dimensões.
Mesmo após cirurgias para correção do problema, os pacientes estrábicos não conseguem resolver a falha na fusão ocular. Isso acontece porque as cirurgias de estrabismo são procedimentos estéticos, e a imagem captada continua sendo formada com desvios no interior dos olhos.
Então os óculos não servem para nada?
Na verdade, eles servem sim. Mesmo que você não possa enxergar as três dimensões dos filmes, é importante utilizar os óculos para que as imagens não sejam vistas de maneira duplicada. As duas lentes dos óculos 3D fazem a junção da imagem no seu cérebro, mas a estereopsia não age com total eficiência, por isso a profundidade é menos percebida.
Vale lembrar que este problema não é raro e uma boa parcela da população mundial não consegue enxergar a profundidade enviada pelos televisores e telões.

Galaxy Tab 10.1, da Samsung, deve chegar em junho ao Brasil


O Galaxy Tab 10.1, tablet com o novo sistema operacional Android 3.0, do Google, será lançado em junho pela Samsung no mercado brasileiro. No mês seguinte, é a vez do Galaxy Tab 8.9, com tela menor, de acordo com o vice-presidente de telecom da companhia no Brasil, Silvio Stagni. O executivo anunciou a novidade durante o Samsung Forum, em Santiago, no Chile.
Segundo Stagni, o preço dos tablets com Android no mercado brasileiro vai depender de definições de taxas pelo governo brasileiro. "Seremos agresivos na distribuição dos produtos no varejo", afirmou. "O mercado brasileiro é prioridade para a Samsung, e isso significa levar todos os lançamentos simultâneos ao redor do mundo com plena distribuição", disse.
Na visão da Samsung, o Galaxy Tab 10.1 pode ficar com preço em torno de R$ 1.700 e o 8.9, R$ 1.600. Os valores, como ressalta o executivo, podem mudar até o lançamento.
Já dois novos smartphones com Android também têm lançamento próximo. O topo de linha Galaxy S II, anunciado durante o Mobile World Congress, em fevereiro, terá lançamento também em julho, e o aparelho Nexus S, feito em parceria com o Google, tem previsão de lançamento para maio.

Aplicativo transforma qualquer fotografia em uma imagem 3D


O 3D Converter é um aplicativo que vai transformar, em poucos segundos, qualquer fotografia feita por você em uma imagem 3D. Tudo o que você precisa é definir as áreas da imagem que devem ganhar profundidade, deslizando o dedo sobre a tela.
O sistema usado pelo aplicativo é o 3D anáglifo, aquele que é dividido em duas cores, necessitando de óculos com uma lente vermelha e outra azul para que o efeito seja visto. Desta forma, é fácil visualizar sua criação, já que este tipo de óculos pode ser feito com folhas de acetato transparente e em casa.
No 3D Converter, qualquer fotografia que você queira pode ganhar efeitos em três dimensões e você nem precisa ser um expert no assunto para que o trabalho seja bem feito. Apesar de trazer um menu de configurações, o aplicativo vem pronto para ser usado e suas opções podem ser alteradas conforme você ganha experiência ao criar suas novas imagens.
Para começar a alterar suas fotos, basta deslizar o dedo sobre a tela: a área delimitada fica em branco, para que você perceba com mais facilidade as regiões que já foram escolhidas para ganhar profundidade. Assim que tirar o dedo da tela, o vermelho e o azul passam a predominar na área selecionada. Caso não goste do resultado e deseje começar tudo de novo, toque no primeiro botão do menu direito, localizado na parte inferior da tela. O ícone se assemelha a uma borracha e desfaz toda a seleção feita anteriormente.
Assim que ficar contente com o seu trabalho, escolha o botão "Save". Você ainda tem a opção de salvar a imagem em escala de cinza, guarda-la ao lado da original, como um "antes e depois", e até postar em sua conta no Facebook.

Índia é o primeiro país a bloquear domínio pornográfico .xxx

A Índia se tornou o primeiro país a bloquear o novo domínio .xxx para sites pornográficos. A distribuição de pornografia é ilegal no país e também em outros países do Oriente Médio podem seguir o exemplo indiano, informou nesta terça-feira o site The Huffington Post.
A Corporação da Internet para a Atribuição de Nomes e Números (ICANN, em inglês) recentemente aprovou a criação do domínio .xxx para finalizar as URLs de sites pornográficos. Grupos religiosos e até mesmo quem trabalha com pornografia têm tido problemas com a atribuição e nações estão agora tomando suas posições. A página cita um alto funcionário do governo indiano, que afirmou que a Índia, juntamente com outros países do Oriente Médio e a Indonésia são contra a concessão do domínio e irão bloqueá-lo, já que vai contra as leis indianas.
Sites que pretende aderir ao domínio serão submetido a um conjunto de normas que proíbem a pornografia infantil, entre outras restrições, e protegem os consumidores contra Malware. Os novos domínios também vão custar US$ 50 a mais por ano que os domínios tradicionais, conforme informações da agência AP.

Chega ao mercado tablet da Acer com duas telas touchscreen


Chega ao mercado dos Estados Unidos e Canadá o Acer Iconia Touchbook, dispositivo com duas telas que consegue ser "atraente e desconcertante", afirma o site TechCrunch. O "Touchbook" conta com chip Core i5, Windows 7, webcam de 1.3 megapixel HD e duas telas touchscreen de 14 polegadas - feitas com vidro de alta resistência Gorilla - que permitem digitação, multi-toque e gestos.
Segundo o site, a Acer criou uma interface totalmente nova para o sistema de tela dupla, incluindo uma interface de "anel" que permite ao usuário selecionar itens na tela e girar imagens na tela com a mão. A pré-venda do produto foi anunciada nesta terça-feira, mas o Iconia chegará ao mercado em abril e custará US$ 1,199.99

Aplicativo mostra as 100 melhores fotos do universo


O ESO - Observatório Europeu - lançou um aplicativo para iPad 2 por meio do qual os usuários podem ver as 100 melhores fotos astronômicas tiradas pelos mais avançados telescópios de chão do deserto do Atacama, no Chile.
O aplicativo, que é gratuito, traz informações sobre as fotos, sobre as tecnologias usadas para que elas fossem tiradas e sobre os objetivos contidos nas fotos. O download pode ser feito pels loja online do iTunes a partir desta segunda-feira.

Fabricantes apostam que jogos 3D poderão animar vendas de TVs

Raheem Patterson, 35, comprou um televisor de tela plana há apenas 18 meses. Mas o personal trainer já está considerando trocar o novo aparelho por um modelo 3D.
Cinco vezes por semana, Patterson joga "Call of Duty: Black Ops" e poderia fazer isso em 3D se estivesse disposto a investir entre 500 e 5 mil dólares em um novo televisor. "Eu compraria, pelo visual melhor", disse.
Sony, Mitsubishi Electric e Samsung Electronics, entre outros fabricantes, estão esperando que Patterson não seja o único. As vendas de televisores 3D ainda não decolaram e jogadores jovens e com dinheiro para gastar em games e entretenimento têm papel crítico na criação do entusiasmo que pode popularizar um novo produto.
O setor mundial de videogames, que movimenta 60,4 bilhões de dólares ao ano, também está apostando no 3D. Os produtores de videogames estão em uma encruzilhada e querem manter a atratividade de seus produtos em um momento em que títulos mais baratos para aparelhos portáteis e games para o Facebook pressionam os lucros de suas empresas.
Em um esforço para reverter a situação, os dois setores estão apostando que os consumidores vão se divertir com jogos em três dimensões.
"Todos estamos em busca da solução mágica para o 3D, e jogos são uma forma de conteúdo que faz sentido para o 3D," disse Frank DeMartin, vice-presidente de marketing da Mitsubishi Digital Electronic America. Todos os televisores fabricados pela Mitsubishi, que se concentra em aparelhos com telas de pelo menos 73 polegadas, agora oferecem recursos 3D.
Mas talvez não haja empresa com aposta maior em 3D do que a Sony, cuja divisão de televisores vem sofrendo prejuízo há seis anos e deve divulgar nova perda no ano fiscal que se encerra em março.
Para ajudar a estimular as vendas, a Sony investiu em parcerias com a Discovery e IMAX, a fim de lançar um canal de televisão 3D 24 horas. Além disso, o console de videogames PlayStation 3 também permite jogar títulos em 3D.
"Vamos começar a ver uma adoção em massa do 3D acontecendo em 2011", afirmou o porta-voz da Sony, Dan Race. Ele acrescentou que o objetivo da companhia é ter uma "saturação ampla" de entretenimento em 3D até 2014.
Mas alguns investidores se mostram céticos. "Isso é ridículo porque não há maneira do 3D ser adotado em massa em 2011", disse Ted Pollak, que administra o EE Fund Management, um fundo de investimento focado na indústria de videogames.
Junto com outros observadores do mercado, Pollak cita o custo dos televisores 3D como obstáculo para jogadores e consumidores em geral, afirmando que "ninguém que tenha investido em TVs HD alguns anos atrás vai arrancá-los da parede" para trocá-los por modelos 3D mais caros.
Além disso, Jesse Divnich, analista da EEDAR, uma empresa de pesquisa do mercado de videogames, afirma que há apenas alguns jogos 3D para o Xbox 360 e cerca de 20 para o PlayStation 3.
Mas isso pode mudar em breve. "Call of Duty: Black Ops" foi lançado em 3D pela primeira vez e até o final de 2011, a Sony afirma que vai ter 30 jogos disponíveis em três dimensões.

Robô-gaivota levanta voo e aterrisa sem ajuda de controle


A empresa alemã Festo lançou um novo tipo de robô inspirado em uma Gaivota, chamado SmartBird - ou "robô inteligente", em português. Uma vez acionado, o robô-gaivota consegue levantar voo, bater as asas e aterrisar sozinho.
Segundo a empresa, ele mexe a cabeça e o rabo durante o voo sem a ajuda de controle remoto para manter o equilíbrio no ar. O robô-gaivota tem cerca de 2m de comprimento com as asas abertas - um pouco maior que a ave real.
Para o site PopSci, o robô voa de maneira parecida com a gaivota real. Isso é possível por um sistema de torsão combinado com um sistema de controle também complexo. As asas são feitas de duas partes, integradas por uma espécie de articulação, que permite o movimento próximo ao natural.
O robô-gaivota fará parte do programa de estudo Learning Network em diversas universidades dos EUA e da Europa e deve ser usado para pesquisa em sistemas avançados de mecatrônica.

Mito ou verdade: reiniciar o modem faz a internet voltar?


Sempre que os usuários reclamam de algum problema relacionado à banda larga, os atendentes das operadoras pedem para que o modem seja reiniciado. Você já deve ter passado por isso e, caso seu problema não tenha sido resolvido, certamente ficou pensando em poucas e boas para dizer ao funcionário da empresa de atendimento e suporte técnico.
Mas será que realmente é possível consertar uma conexão apenas desligando e religando o modem em seguida? Ou estaríamos apenas dando tempo para que os operadores encontrem verdadeiros erros nos servidores? Descubra se estas instruções do suporte técnico possuem algum fundamento ou se tudo não passa de um mito da manutenção de redes.
"Oi, não consigo acessar meu modem!"
Uma das primeiras ações que os usuários podem fazer para saber se a internet não está disponível, ou se é o modem que não está enviando o sinal, é tentar acessar o painel de configurações do roteador. Geralmente este acesso é feito pelo navegador, no qual é inserido o endereço do gateway padrão e também os dados de administração da rede.
Se o computador não conseguir contato com o modem, significa que o modem está completamente impossibilitado de enviar pacotes de dados. Provavelmente ele está recebendo o sinal de internet pela linha telefônica, mas como as portas estão travadas, os computadores e outros dispositivos ligados a ele não conseguem receber o mesmo sinal.
Para resolver este problema, é realmente necessário seguir os passos indicados pelo suporte das operadoras - desligar e ligar o aparelho novamente. Quando o modem é reiniciado, as portas são destravadas e o sinal volta a fluir normalmente para os computadores.
Mas por que os modems travam?
Há vários motivos que podem ocasionar o travamento dos modems, mas alguns deles ocorrem com mais frequência do que outros. É o caso dos "picos de luz", que podem afetar os roteadores de várias maneiras, causando inclusive danos físicos nos aparelhos. Por isso, é recomendado que sejam utilizados estabilizadores ou filtros de linha nos dispositivos.
De maneira geral, sempre que a rede elétrica recebe mais energia do que o padrão, ocorrem "picos de luz", que podem gerar sobrecargas nos aparelhos eletrônicos que estiverem ligados nas tomadas. Com esta sobrecarga, os modems acabam "se perdendo" e as portas são travadas, impedindo o sinal de internet de ser distribuído para outros aparelhos.
Sujeira na linha
Outra causa muito comum de travamento de modems é a instabilidade no sinal de internet. O sinal ADSL é bastante sensível, por isso qualquer ruído pode gerar "sujeira" na linha e fazer com que o modem seja travado. Resolver este problema pode ser um pouco mais complicado, mas um dos passos para a resolução é a reinicialização do modem.
Com a interrupção na demanda do sinal, a empresa que oferece a internet banda larga pode realizar verificações na qualidade dos dados transmitidos. Se este for o problema da sua internet, provavelmente será recomendado que você instale filtros de linha nas tomadas telefônicas, para separar o sinal ADSL e o sinal de voz com maior clareza.
Sobrecarga de tarefas
Quando ficamos muito tempo sem descansar, nosso corpo passa a responder com menos clareza. Com a tecnologia também é assim: se você deixar seu modem muito tempo ligado, ele pode acumular erros de sinal e chega a travar. Para corrigir este problema também só será necessário reiniciar o aparelho.
Mas para evitar que isso aconteça com frequência, tudo o que você precisa fazer é desligar o modem em momentos de ociosidade da rede. Por exemplo, se todos estiverem dormindo, não há motivos para que o aparelho continue ligado. O mesmo pode ser dito para momentos em que todos estão fora.
..... Como você pode perceber, reiniciar o modem é realmente uma boa ideia nos momentos em que o problema da internet está apenas na rede interna. Em casos de dificuldades ou problemas gerados pela operadora de telefonia (tanto na transmissão do poste às tomadas ou dos servidores aos postes), os procedimentos precisam ser realizados por técnicos especializados.

Smartphones 3D são a nova aposta em experiências tecnológicas


Levar ao consumidor novas experiências parece ter se tornado tão importante quanto simplesmente vender produtos - ou uma boa desculpa para isso. A tecnologia 3D tem sido uma das mais exploradas pelas companhias que não param de lançar novos gadgets com promessas sempre inovadoras.
Em janeiro deste ano foi anunciado o primeiro smartphone com tecnologia 3D que dispensa o uso de óculos, acessório ainda indispensável para a visualização em três dimensões na maioria dos produtos. O LG Optimus foi mostrado ao público durante o Mobile World Congress, que ocorreu no início de 2011 em Barcelona. Não demorou muito para o mundo corporativo responder com um concorrente a altura: o HTC EVO 3D anunciado nesta semana em Orlando, nos Estados Unidos.
A ideia da HTC, de acordo com comunicado à imprensa, é "levar a experiência multimídia móvel a um novo nível". O aparelho tem a capacidade de capturar e visualizar imagens em 2D e 3D, e permite o compartilhamento a uma velocidade de 4G. Além disso, uma das principais características do novo gadget - a exemplo do modelo da LG - é oferecer ao consumidor a experiência em 3D livre de óculos.
O aparelho roda Android 2.3 (Gingerbread), a mais recente do sistema operacional do Google para smartphones, pesa 170 g e conta com tela touch screen de 4.3 polegadas. Entre as características técnicas do novo smartphone da HTC, estão processador Qualcomm Snapdragon dual-core de 1,2 GHz e 1 GB de RAM, GPS, DLNA, câmera dupla de 5 megapixels capaz de tirar fotos e gravar vídeos em 3D, câmera frontal de 1,3 MP, Bluetooth 3.0, Wi-Fi, 4 GB de memória interna e uma bateria de 1730 mAh.
Mas uma característica que assemelha os dois rivais é a facilidade com que os vídeos podem ser compartilhados. Com o HTC EVO 3D é possível postar imagens de alta qualidade no YouTube e Facebook ou compartlhar momentos em tempo real na internet através do Qik, ferramenta que permite o streaming ao vivo de vídeos capturados pela câmera do celular. Com um cabo HDMI (vendido separadamente) o usuário pode ver assistir a conteúdos em 3D em uma televisão compatível com essa tecnologia.
Outra novidade que a companhia traz é o fato de o HTC EVO 3D ser o primeiro aparelho 3D pré-carregado com Blockbuster On Demand, um aplicativo que dá acesso a um grande catálogo de filmes, incluindo títulos 3D. Os clientes podem comprar ou alugar digitalmente e fazer o download diretamente para seu smartphone. Pra quem gosta das salas de cinema, assistir a filmes em uma tela de 4.3 polegadas pode não parecer muito promissor, mas não deixa de ser uma evolução em se tratando de telefones.
O lançamento segue a tendência atual de uma gama de novos aparelhos, televisões principalmente, que oferecem uma experiência em 3D sem o uso de óculos, sejam os modelos ativos, com obturadores, ou passivos, utilizados nos cinemas. O desconforto é uma das principais reclamações em relação ao acessório, que começa a apresentar sinais de estar sendo deixado de lado. A previsão, segundo o site da empresa, é de que o HTC EVO 3D - uma parceria com a operadora Sprint - esteja disponível para compra em meados de julho, durante o verão no Hemisfério Norte. Até lá, é possível que outros modelos estejam surgindo.

Samsung promete inundar o mercado com Smart TV em 2011


2011 promete ser o ano da Smart TV, pelo menos no que depender da Samsung. A fabricante sul-coreana programa inundar o mercado com aparelhos prontos para esta tecnologia, e conversas com o Google já teriam sido feitas para que a plataforma Google TV conste como padrão nos aparelhos. Contudo, a possibilidade de uma plataforma própria não é descartada.
De acordo com Moon Sung-hyun, presidente da sucursal de Taiwan da Samsung, 90% dos lançamentos de TV LCD da empresa para este ano serão compatíveis com a tecnologia Smart TV. Smart TVs são aparelhos capazes de se conectar à internet e, dessa forma, acessar conteúdos multimídia como portais de áudio e vídeo, filmes e entretenimento sob demanda e muito mais.
A Samsung deu indícios de estar atrás de aparelhos do Google equipados com processadores ARM, isso em detrimento dos chipsets da Intel usados no Logitech Revue e no Sony Google HDTV, ambos aparelhos que usam sets Google TV. Ao optar por chips ARM, a Samsung abre grandes possibilidades para seus aparelhos, como menor dependência de processamento e de melhor desempenho gráfico.
O Google também confirmou o interesse da Samsung em sua tecnologia para equipar televisores para acesso à internet. Essa novidade deveria ter sido lançada na CES 2011, porém, não deu certo. Analistas esperam que as vendas de Smart TV para este ano cheguem a 10% de toda a fatia de mercado de televisores.

IPad 2 é mais caro na Dinamarca e mais barato nos EUA


O novo iPad, da Apple, começou a ser vendido em 25 países nesta sexta-feira, mas os Estados Unidos ainda são o lugar com o menor preço para comprar a nova versão do tablet.
Nos EUA, onde o iPad 2 está à venda desde 11 de março, o aparelho custa a partir de US$ 499 no modelo mais simples - com 16 gigabytes de memória e apenas a conexão Wi-Fi - enquanto o mesmo modelo na Dinamarca custa o equivalente a US$ 702. Centenas de consumidores fizeram filas nas lojas da Apple da Europa e da Ásia, muitos aguardando toda a madrugada ou mais tempo, temerosos de não conseguirem adquirir um aparelho devido às baixas nos estoques da empresa.
Em Hong Kong, onde o iPad 2 não irá à venda oficialmente até o mês que vem, executivos chineses já estão vendendo aparelhos comprados nos EUA por até US$ 1.900.

Robô voador vê movimento e sente respiração através de paredes


A empresa TiaLinx lançou uma versão atualizada do robô Cougar20-HRobot, capaz de ver e sentir a respiração de pessoas através das paredes, porém somente se movimentava pelo chão. A versão atualizada, o Phoenix40-A, é um "hexacóptero" - uma espécie de helicóptero - só que com oito hélices, que tem a função de sentir a respiração através de paredes sensivelmente aguçada.
O aparelho, que é conduzido por um controle remoto, consegue viajar por longas distâncias e gravar imagens de vídeo durante o dia e a noite, segundo o site PopSci. O Phoenix40-A é tão potente que, se ele pousar em cima de um prédio, ele consegue escanear de cima para baixo, até o limite do chão, à procura de uma pessoa. O site ainda saliente que ele tem, sim, um propósito militar, já que foi desenvolvido pelo Exército dos EUA. O grande uso em potencial, no entanto, está na procura e resgate de vítimas vivas em desastres.

Sony Ericsson vai atualizar Xperia X10 para Android 2.3


A Sony Ericsson anunciou nesta sexta-feira que vai lançar uma atualização do sistema operacional Android versão 2.3 (Gingerbread, a mais recente) para o smartphone Xperia X10, lançado em abril de 2010 no mercado brasileiro. A fabricante já havia comunicado que o aparelho, que recebeu um upgrade recente para o Android 2.1, não receberia mais novas versões de software.
Em uma nota oficial publicada no blog internacional da Sony Ericsson, a mudança se deu por conta de pedidos dos consumidores. O lançamento da atualização está previsto para o final do segundo trimestre/começo do terceiro trimestre deste ano e vai ocorrer via software cliente instalado nos PCs.
A fabricante diz que quer deixar o Xperia X10 com o mesmo software e funcionalidades da linha 2011 dos produtos, e algumas mudanças em aplicativos devem ocorrer, como a adoção da interface padrão de câmera do Android (perdendo recursos como reconhecimento de faces e sorrisos), a substituição do aplicativo Mediascape por widgets e tocador de música padrão presentes nos produtos novos, entre outros. Uma lista final de mudanças será publicada próxima à atualização.
A Sony Ericsson diz ainda que os aparelhos Xperia X10 mini, X10 mini pro e X8 não irão receber a atualização para o Android 2.3, assim como esse será o último upgrade para o X10.

Carro se move somente com força humana à moda "Flinstones"


O professor norte-americano Charles Samuel Greenwood, cientista e inventor, criou o automóvel híbrido HumanCar, um carro que usa a força humana para a locomoção. Mas, diferentemente do veículo de locomoção dos Flinstones, são as alavancas puxadas pelos braços das pessoas, e não os pés, que movem o automóvel.
A ideia do HumanCar surgiu há cerca de 40 anos com foco no meio-ambiente. Em 1968, no Vale do Silício, o professor percebeu que diversas pessoas viviam respirando a fumaça que saía dos próprios carros. A inspiração, então, veio com a intenção de criar uma mudança que oferecesse a funcionalidade de menor gasto de combustível aliado à possibilidade de fazer exercício físico enquanto dirigia.
De acordo com o criador, o carro pode chegar, somente com a força dos braços humanos, perto dos 100 km/h. O carro humano pode ser comprado por cerca de US$ 16 mil diretamente com o criador, pelo site oficial humancar.com. Um vídeo com o professor demonstrando o uso do veículo pode ser visto pelo endereço http://bit.ly/crTBau.

Aplicativo permite construir imagens 3D realistas com celular


Um novo aplicativo permite que usuários de celular possam "escanear" diversas imagens de um objeto para montar uma única imagem realista em 3D.
A criação ficou por conta dos pesquisadores do Grupo de Mídia Visual Interativa da Microsoft, que usaram a tecnologia PhotoSynth como base. O diferencial do aplicativo é que não só será possível juntar as imagens como também calcular a profundidade delas para que a montagem final seja condizente com o objeto tal qual ele parece ser no mundo real.
Segundo um dos criadores, o pesquisador Johannes Kopf, que falou à Tecnhology Review, o usuário não precisa tirar fotos ao redor do objeto de uma maneira perfeita para o encaixe. O aplicativo reconhece as áreas comuns e as funde de modo a criar uma única imagem contínua.
Outro membro do projeto, o pesquisador Eric Stollnitz falou ao Tecnhnology Review que a intenção é que qualquer pessoa com um celular ou uma câmera digital normal possa capturar imagens em três dimensões. "Com a tecnologia Você poderia vender um produto online, tirar uma foto de amigos só por diversão", falou. "Essas montagens em 3D gastam menos memória para serem processadas do que um vídeo porque estão baseadas em poucas imagens", concluiu. A pesquisa não informa quando nem para quais tipos de sistemas operacionais o aplicativo estará disponível.

Sistema Mac OS X da Apple comemora 10 anos

A Apple comemora nesta quinta-feira o aniversário de 10 anos do sistema operacional Mac OS X para desktops. Lançado em 24 de março de 2001, foi o primeiro sistema operacional da Apple baseado na plataforma Unix. As informações são do site The Next Web.
O Mac OS X é a décima versão do sistema operacional, que no ano de criação atendia pedidos para que fosse desenvolvida uma nova geração do sistema. Como foram muitas críticas ao princípio, a Apple teve de lançar seis importantes revisões do OS X: Cheetah (10.0), Puma (10.1), Jaguar (10.2), Panther (10.3), Tiger (10.4), Leopard (10.5) e Snow Leopard (10.6). Em 2011, foi lançada a sétima correção (Lion) para eliminar bugs.
Atualmente, no entanto, o sistema é conhecido por sua estabilidade, simplicidade e estética, segundo o The Next Web

Empresa oferece amostras em 3D para joalherias de Israel


Uma empresa baseada em Tel Aviv, Israel, oferece um serviço de amostras em 3D para joalherias que fazem vendas online. A RealEyeZ3D anunciou nesta semana que está expandindo os serviços para joalherias de outros países. As informações são do site Israeli Diamond Industry
A expansão dos serviços também se deu para outras tecnologias. A empresa passou a desenvolver serviços de amostras de joias em 3D para tablets e a trabalhar com vídeos em diversos formatos.
A RealEyeZ3D ainda anunciou que conquistou grandes clientes como Swatch e Carrera & Carrera, que deve utilizar os recursos em seus sites em breve. "Este é um mercado muito exigente e estamos atendendo à demanda", disse o CEO da companhia, Ofer Rubin. 

Chrome e Opera vencem teste de velocidade dos navegadores


Este foi um mês e tanto para os navegadores, com a chegada de novas versões do Firefox e do Internet Explorer, assim como a continuidade das melhorias tradicionais do Chrome e do Opera. Nós pegamos todos estes navegadores e testamos a velocidade deles para abrir, carregar abas, lidar com JavaScript, assim como na utilização de memória, tudo para descobrir qual deles chega mais perto da velocidade com que as nossas cabeças trabalham.

Helicóptero virtual 4D mostra imagens da cidade em tempo real


Enquanto o consumidor se acostuma com a tecnologia 3D, já começa a ser testado nos Estados Unidos o "helicóptero virtual", projeto inédito desenvolvido em 4 dimensões. A nova dimensão representa o tempo real em que o programa atua, monitorando o trânsito de Washington a partir de uma animação do que realmente acontece na cidade. O software está em fase de testes no Laboratório do Centro de Tecnologia Avançada para Transporte (CATT) da Universidade de Maryland.
Com um controle nas mãos e os olhos vidrados numa tela de 55 polegadas, o engenheiro e diretor do laboratório, Michael Prack, 33 anos, lembra um adolescente jogando videogame. Mas na verdade ele está "sobrevoando" virtualmente Washington, como se estivesse num helicóptero. A vista é uma animação das ruas, prédios e monumentos da capital americana com carros, ônibus e caminhões passando em tempo real.
Sob um céu ensolarado, é possível ver o trânsito parado nas sinaleiras e um aviso de que a rua ao lado está em obras. Por cima da terra, os vagões do metrô se locomovem lentamente e os aviões aterrissam a todo o instante no aeroporto da cidade. "É como se nós tivéssemos um helicóptero com uma câmera, mas na verdade é uma animação criada a partir de diversas fontes de informação", explica o engenheiro.
O software, que vem sendo desenvolvido há quatro anos, reproduz as informações de sensores espalhados pela cidade, que contabilizam o número de carros nas ruas, tamanho dos veículos e velocidade. Além disso, conta com dados instantâneos do Centro de Monitoramento de Trânsito local, GPS de empresas de transporte e centros meteorológicos.
O projeto, amplamente financiado pelo governo federal, tem como objetivo ajudar no monitoramento do trânsito das principais cidades dos Estados Unidos, mas também pode servir como ferramenta para agências de segurança, como ocorreu durante o desfile de posse do presidente Barak Obama, em janeiro de 2009. "A Agência Federal de Monitoramento de Emergências (Fema) utilizou para fiscalizar a região do evento em tempo real", afirma Prack.
Mas o engenheiro quer mesmo é que a tecnologia 4D esteja disponível para o consumidor comum, seja através da internet, celular ou GPS dos carros. "Meu sonho é que as pessoas possam consultar uma localidade através do programa antes de sair de casa, para se orientar e verificar em tempo real as condições do trânsito e do clima", afirma.
Mas para que isto ocorra, ele admite que ainda há muitos ajustes a serem feitos. "O software funciona por aproximadamente uma hora e depois trava. Temos que ficar reiniciando a toda hora. Mas estamos trabalhando para resolver isso." Além disso, o programa por enquanto oferece apenas os mapas de Washington e cidades próximas. "Queremos ampliar para o mundo inteiro", diz.
Serious Games
O projeto também faz parte de uma iniciativa cada vez mais comum de utilizar a tecnologia dos jogos de videogames para o uso em situações que não são de entretenimento, os chamados Serious Games. Os programas inspirados em jogos estão sendo aplicados no treinamento de militares, cirurgiões, pilotos e até no ensino.
O CATT também está desenvolvendo um videogame que simula acidentes de trânsito para treinar profissionais de emergência e um controlador de tráfego aéreo 3D, que ajuda na visualização das rotas dos aviões. O laboratório conta com professores e alunos de cursos como ciência da computaçao, engenharia e artes, e é reconhecido internacionalmente por inovar na área de visualização para a indústria do transporte.

LG lança acessório para recarregar bateria por contato


A LG anunciou esta semana um acessório para recarregar a bateria de aparelhos celulares por contato, sem usar fios. A base Wireless Charging Pad (WCP-700) usa uma bobina de indução para recarregar ao encostar o telefone na base.
A tecnologia funciona apenas se o telefone tiver, em sua capa, a bobina de indução e contatos internos. Desse modo, o consumidor não precisa de cabos para recarregar as baterias. A base indica com luzes e alertas sonoros quando a bateria foi recarregada.
Fabricantes como a PowerMat, nos EUA, vendem kits que usam a mesma tecnologia para diversos aparelhos, incluindo iPhone e BlackBerry. O preço e a data de lançamento do acessório da LG não foram informados.

Novo eletrodo pode recarregar baterias em até dois minutos


Um novo tipo de eletrodo, que trabalharia com bases combinadas de lítio e níquel, está sendo testada na Universidade de Illinois, nos Estados Unidos. Segundo a Wired, o objetivo da invenção é carregar baterias em dois minutos.
Os modelos anteriores de bateria eram focadas na base de lítio e em quão rapidamente os íons poderiam se mover dentro da bateria - o que dependia necessariamente da capacidade do eletrodo de atrai-los. No novo trabalho, o foco para aumentar a qualidade da bateria está em diminuir a distância que os íons precisam percorrer dentro da bateria, ao acrescentar mais bases de metais no eletrodo, como o o níquel, em vez de fazer somente com que eles viajem em maior velocidade.
Os cientistas ainda afirmam que as técnicas usadas para criar tais eletrodos possibilitam a produção em larga escala, mas que o sucesso efetivo da nova tecnologia pode funcionar muito bem para pequenos aparelhos, como smartphones e tablets, podendo apresentar grandes dificuldades ao se levar em conta um carro elétrico, por exemplo.

Irmãos criam motocicleta com maior roda do mundo


Os irmãos Marc e Sean Parker, da empresa Parker Brothers Choppers, de Melbourne, na Flórida, criaram o que eles acreditam ser motocicleta com a maior roda do mundo.
A motocicleta imita um triciclo infatil com proporções para adultos. A maior roda possui diâmetro de cerca de 1,2 m e o "brinquedo" ainda usa um motor de uma moto Harley-Davidson.
Jeff Halverson, um dos representantes da empresa, contou à Wired como nasceu a ideia. "Tínhamos uma grande roda de tricilo à toa na loja e concluímos que seria uma boa ideia", disse.
O objetivo dos irmãos Parker é, na verdade, entrar no Livro dos Recordes como a motocicleta com a maior roda do mundo. Não há informações sobre se os direitos da peça foram vendidos para produção em larga escala ou se ela permanecerá como um objeto único.

Lançado novo aplicativo para iPad sobre casamento real


Um novo aplicativo foi lançado para os interessados no csamento real britânico. O app "Roal Wedding 2011" (Casamento Real 2011) da companhia 2 for Life apresenta um quadro de notícias com todas as novidades sobre o iminente matrimônio de Príncipe William e Kate Middleton.
"O Royal Wedding 2011 é uma recordação para os usuários do iPad que estejam muito interessados na relação da família real", assegurou a presidente da 2 for Life Media Inc., Diane Hall.
Já disponível na app store, o programa inclui um guia de etiqueta real sobre como apertar a mão da rainha ou como organizar uma grande festa de casamento real, bem como especificações de designers que poderiam ter sido escolhidos para desenhar o vestido de Kate.
Os usuários podem deixar instruções sobre o casamento e conselhos aos futuros reis da Inglaterra no livro de visitas, fazer um tour virtual nos lugares de Londres associados à família real e informar-se sobre os presentes mais extravagantes. O app ainda permite que os usuários saibam de toda a história do romance de William e Kate. 

Site lista as 10 melhores funcionalidades do novo Firefox 4

O Firefox 4 foi lançado oficialmente nesta terça-feira, mas o site Business Insider teve acesso antecipado à nova versão e listou as 10 melhores funcionalidades da ferramenta.
Confira abaixo:

Novo local para abas
As abas de moveram para cima da barra de endereços na nova versão do browser. O Chrome, do Google, já possuía esta funcionalidade.
Sincronização com dispositivos e computadores:
O Firefox 4 permitirá a sincronização de senhas, configurações, favoritos e até mesmo abas abertas em um determinado momento entre os diversos dispositivos de uma pessoa que estiver usando o navegador.
O formato das extensões
O espaço de armazenamento e procura de extensões do navegador ficou mais organizado e mais intuitivo. Para o Business Insider, ficou também mais fácil de gerenciar as extensões já baixadas.
HTML 5
A nova versão do navegador traz suporte melhorado HTML 5 para aplicativos da web e vídeo. O site também ressalta que a edição de imagem também teve uma melhoria acentuada deivido ao HTML 5.
Melhor proteção contra pane
Se, por exemplo, um programa específico der pane, como o Windows Media Player ou o QuickTime, o Firefox 4 tentará fazer com que o navegador inteiro não seja afetado pelo problema. Uma pane será resolvida agora somente recarregando a página.
Gráficos acelerados
Assim como o Internet Explorer 9, o Firefox 4 usa o hardware da máquina para acelerar os gráficos. Isso significa que o poder de processamento da máquina é agora usado para incrementar a qualidade de gráficos e vídeos rodados no navegador.
A velocidade
Graças a uma nova ferramenta Java Script, o Firefoz 4 está mais rápido. De acordo com o Mozilla, o navegador é cerca de seis vezes mais rápido que a versão 3.6. O Business Insider afirmou que o browser realmente está mais rápido.
Os favoritos para aplicativos
Agora, é possível criar abas fixas para aplicativos usados com frequência. A ideia é ocupar menos espaço do que caso o aplicativo estivesse aberto.
Organização das abas
As abas podem ser agrupadas por assunto, para quem abre muitas delas, por meio de uma função chamada Panorama. O usuário pode colocar diversos sites em um grupo de aba chamado "A", por exemplo. Ao abrir "A", todos os sites daquele grupo serão abertos em abas.
Mudança de URL para aba
Durante a pesquisa por um site na barra de URL, a opção de mandar um dos sites que aparecem na lista para uma aba vai aparecer automaticamente.

TV 3D sem óculos chega até o fim do ano ao Brasil


A Semp Toshiba anunciou nesta terça-feira que um modelo de televisor 3D que não exige o uso de óculos especiais deve chegar ao Brasil até o fim do ano. O modelo, uma TV de 20 polegadas da linha Glassesless 3D, vai ser fabricada no País. O televisor foi apresentado durante a feira Ceatec 2010, no Japão, em outubro de 2010. A Toshiba não informou data para o lançamento nem preços do produto.
Segundo a fabricante, os óculos são substituídos por uma película na frente da tela de LCD, responsável por separar as imagens para cada um dos olhos. A tecnologia do televisor reproduz nove imagens para cada pixel, quatro vezes mais pixels gerados por uma TV convencional full HD, segundo a Toshiba.
A empresa mostrou também outros três modelos de televisores 3D LED com óculos. Os aparelhos, com 46, 55 e 65 polegadas, tem apenas 1,5 cm de espessura. Os televisores convertem imagens de 2D para três dimensões, e apresentam recursos como acesso à internet e redes sociais.
Notebook 3D
A Toshiba anunciou também o lançamento do notebook STI Aurex IS 1443D, o primeiro da marca com capacidade 3D. O equipamento conta com tela de 14 polegadas e vem com um óculos 3D para que o usuário veja as imagens de vídeos e jogos em três dimensões. O aparelho é equipado com a segunda geração de processodores Intel Core, a Sandy Bridge, anunciada no Brasil na semana passada.
Para exibir a imagem 3D, o computador exibe simultaneamente duas imagens idênticas, mas ligeiramente separadas uma da outra. Com o uso do óculos, cada olho vê somente uma das imagens.

Aeroporto monitora movimentação por dispositivos Wi-Fi


O movimento no Aeroporto Internacional de Copenhagen, na Dinamarca, vai começar a ser observado por um escritório em Genebra. Um novo software vai monitorar a movimentação de passageiros no aeroporto pelos dispositivos Wi-Fi que eles carregam. As informações são do jornal The New York Times.
Quando o sistema for implantado nas próximas semanas, os funcionários do aeroporto terão uma imagem em tempo real de onde os passageiros vão e o que fazem. Essa informações podem ser usadas para melhorar o projeto do aeroporto, redirecionar o fluxo de passageiros ou promover mudanças para melhorar a eficiência dos controles de segurança ou imigração.
Pontos coloridos distinguem os passageiros que acabam de aterrissar dos que estão de partida no aeroporto. Além disso, os passageiros podem baixar gratuitamente um aplicativo para iPhone que mostra, por exemplo, qual é a menor fila quais lojas nas proximidades têm as melhores ofertas.
Segundo os fabricantes, o sistema de localização pode determinar a localização de pessoas com uma prescisão de 10 m, monitorando onde os passageiros estão reunidos, quanto tempo gastam em lojas e restaurantes e onde estão localizados os gargalos.

Mozilla lança oficialmente versão final do Firefox 4

A Mozilla lançou oficialmente nesta terça-feira a versão final do navegador Firefox 4. A nova versão do browser faz correções na programação de versões anteriores e traz novos recursos e ferramentas. O resultado é uma navegação mais simples e mais rápida.
Entre as melhorias, o navegador traz uma versão mais minimalista, exibindo apenas os recursos estritamente necessários para a navegação. O Firefox ganha ainda o botão Firefox, que reúne funções que nas versões anteriores estavam na barra de ferramentas. Além disso, o novo botão agrega recursos como favoritos e o histórico de navegação, abrindo espaço para a navegação na internet.
A nova versão do navegador apresenta ainda uma melhoria no uso da memória, resultando em uma inicialização mais rápida e melhorando a performance do browser, mesmo com muitas abas abertas e executando conteúdos em Flash e JavaScript.
A atualização para a nova versão do navegador está disponível no site da Fundação Mozilla, pelo endereço br.mozdev.org.

Dell anuncia série de laptops com reprodução de Blu-Ray em 3D


A Dell acaba de lançar a sua mais nova série de laptops: Dell Inspiron R. Os novos computadores são capazes de reproduzir filmes de Blu-Ray em 3D, segundo informou o site TechRadar.com.
Os novos laptops têm uma bateria de 13 horas de duração e memória de até 8GB. Outra novidade da série R da Dell é a câmera que grava em alta definição. Os monitores disponíveis são de 15 e 17 polegadas. Não há previsão de lançamento no Brasil. 

iPad 2 chega a 25 países nesta sexta-feira


A Apple confirmou que a segunda geração de sua tablet será lançada em mais 25 países nesta sexta-feira, 25 de março. Assim como aconteceu nos Estados Unidos, os usuários poderão comprar o iPad 2 nas Apple Stores Online a partir da 1h (horário local) ou ir até uma Apple Store ou revenda autorizada a partir das 17h (também em horário local).
Além disso, a empresa de Cupertino avisou que Hong Kong, Coreia do Sul, Singapura e outros países não divulgados terão o iPad 2 em suas lojas a partir de abril. "Enquanto a concorrência está correndo para se igualar ao nosso primeiro iPad, nós mudamos o jogo de novo com o iPad 2", alfinetou Steve Jobs.
"Estamos com uma demanda incrível do iPad 2 nos Estados Unidos e consumidores em todo mundo nos disseram que mal podem esperar para ter um. Nós agradecemos a paciência de todos e estamos trabalhando duro para que o iPad chegue a todos", concluiu.
O iPad 2 será lançado na Austrália, Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, República Checa, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, México, Holanda, Nova Zelândia, Noruega, Polônia, Portugal, Espanha, Suíça, Suécia e Reino Unido, com preço inicial de US$ 500. O Japão estaria nesta lista, mas devido à recente tragédia, a Apple decidiu adiar o lançamento da tablet no país. Ainda não há notícias sobre quando o iPad 2 será lançado no Brasil.

Com cerca de US$ 2 bi de receita na Índia, Dell contrata pessoal

A receita anual da Dell na Índia está se aproximando dos US$ 2 bilhões, e a segunda maior fabricante mundial de computadores pessoais planeja contratar mais pessoal no país, anunciou seu presidente-executivo.
"Continuaremos a investir aqui e a desenvolver nosso negócio. A Índia é parte crítica de nossa infraestrutura mundial", disse Michael Dell em um evento na capital indiana terça-feira. Ele não mencionou datas para que a empresa atinja o montante mencionado de receita ou especificou a receita atual do grupo na Índia, onde a Dell opera uma fábrica perto de Chennai, uma cidade no sul do país.
No mês passado, a receita e as margens de lucro da Dell para o quarto trimestre superaram com folga as expectativas de Wall Street, em função de uma queda nos custos dos componentes e da substituição de tecnologia antiquada promovida pelos seus clientes empresariais.

Samsung anuncia mais dois novos tablets da linha Galaxy Tab


A Samsung anunciou dois novos tablets da família Galaxy Tab nesta terça-feira durante o CTIA Wireless, evento que acontece em Orlando, Flórida, nos Estados Unidos, até o dia 24 de março. Os lançamentos foram apresentados durante o Samsung Mobile Unpacked, evento similar ao que ocorreu no Mobile World Congress, em fevereiro, e foi apresentado pelos executivos da Samsung.
Em um anúncio de pouco mais de 30 minutos, os executivos da Samsung destacaram que é preciso inovar e investir na experiência do usuário para continuar nesse mercado competitivo e complexo das tablets. A primeira novidade apresentada foi o Galaxy Tab de 10,1 polegadas com 8,6 milímetros de espessura e 595 gramas, de acordo com a empresa, o mais leve do mercado atual.
Dentre as diversas caracteríticas apresentadas, estão o suporte ao Adobe Flash 10,2, à rede 4G e as duas antenas de Wi-Fi. Outras novidades são a largura da tela widescreen de 10,1 polegadas, uma bateria de aguenta mais de 10 horas. Para os clientes que procuram mais mobilidade, a Samsung anunciou o Galaxy Tab 8,9 polegadas, que já era esperado e especulado. O dispositivo é igualmente leve e fino como o dispositivo de 10,1 polegadas. Novos acessórios para a família Samsung Galaxy Tab também foram mostrados, como capas para os tablets, desk dock com entrada HDMI, kit de usb e sound stations - estações de som.

Uma terceira supresa foi o anúncio do preço de cada tablet, "quebrando uma tradição" de só divulgar o preço mais tarde. O Samsung Galaxy Tab de 10,1 polegadas estará disponível a partir de 8 de junho, inicialmente nos Estados Unidos, e será vendido por US$ 499, o de 16GB, e por US$ 599, o de 32GB. Já o tablet de 8,9 polegadas será lançado no verão americano e deverá custar US$ 469 o de 16GB e US$ 569 o de 32GB.
Os executivos da companhia também falaram da estratégia da empresa do "What's your tab life?", ou, em português, "Como é sua vida tablet", que se traduz no fato da empresa oferecer mais de uma opção de tablets aos seus clientes, do "tamanho de suas necessidades".

Nokia lança smartphone com operadora T-Mobile nos EUA


A Nokia anunciou nesta terça-feira em Orlando, durante a feira CTIA Wireless, que vai lançar um aparelho no mercado norte-americano com exclusividade para a operadora T-Mobile. O Astound, conhecido como C7 no resto do mundo, vai custar US$ 79,99 em um contrato de dois anos.
Com sistema operacional Symbian, o aparelho é construído em um corpo de aço inoxidável e vidro em um design fino. Traz uma câmera de 8 megapixels capaz de fazer vídeos em 720p, tela de 3,5 polegadas (tecnologia AMOLED, mais brilhante e com melhor gerenciamento de energia) com atalhos para redes sociais (Twitter, Facebook), contas de e-mail e acesso aos serviços Ovi, da Nokia ¿ como mapas e download de músicas.
A parceria com a T-Mobile vai além das vendas: segundo a Nokia, o download de aplicativos na Ovi Store poderá ser cobrado diretamente na conta do consumidor ou no cartão de crédito. O aparelho começa a ser vendido em 6 de abril, e uma versão do C7 deve ser lançada ainda este ano no mercado brasileiro.

Microsoft lança loja virtual no Brasil

A Microsoft anunciou na segunda-feira a estreia de sua loja virtual no Brasil, a Microsoft Store. A ideia é pegar o bonde do crescimento das vendas online no país e criar um canal direto com o cliente. Mas a novidade fica por conta do formato: nada de comprar e esperar os Correios, os softwares serão vendidos em formato de download. Mas os preços cairão?
Segundo a Microsoft, a venda física fica de fora no "primeiro momento" da loja - ou seja, caso a moda do download pago não pegue, as caixinhas devem voltar.

Robô ajuda a controlar a crise nuclear no Japão


O time responsável pela resolução dos problemas que a afetam a usina nuclear de Fukushima ganhou um reforço na última sexta-feira. Batizada como Monirobo, a máquina foi desenvolvida para operar em ambientes com níveis de radioatividade altos demais para humanos poderem trabalhar com segurança.
Com 1,5 m de altura e 590 kg, o robô possui esteiras de tanques no lugar de rodas, o que permite navegar facilmente por escombros. Um braço mecânico atua na remoção de obstáculos, além de permitir a coleta de amostras para testes posteriores.
O Monirobo possui sensores que captam níveis de radiação, humidade e temperatura. Além disso, uma câmera envia imagens tridimensionais para o operador que pode estar em distâncias de até 1,2 km - valor muito menor que os 70 km recomendados pelo governo dos Estados Unidos.
Para proteger os equipamentos internos, facilmente afetados pela radiação, o robô é equipado com placas de proteção pesadas, que limitam sua velocidade a 2,4 Km/h. O modelo empregado atualmente possui coloração vermelha - outro, amarelado, vem equipado com detectores de gases explosivos e deve ser usado na usina nuclear nos próximos dias.
As máquinas foram desenvolvidas pelo Centro Japonês de Tecnologia de Segurança Nuclear junto ao Ministério da Econômia, Comércio e Indústria após um grave acidente na usina nuclear de Tokaimura, em 1999. Na ocasião, dois empregados morreram após serem expostos diretamente à radiação do núcleo de um reator.

Cerca de 25% dos jovens americanos querem trabalhar no Google


Cerca de 25% dos jovens americanos desejam trabalhar no Google. Já a quantidade de profissionais jovens que querem trabalhar na Apple, a segunda colocada, é menos da metade que no serviço de busca, segundo pesquisa da consultoria Universum que foi revelada pelo The Wall Street Journal.
Entre as cinco mais desejadas na pesquisa também estão a Walt Disney, o Departamento de Estado americano e o Amazom.com. O Facebook não aparecia lista, mas foi citado espontâneamente por muitos universitários.
Uma explicação é simples: "Jovens profissionais querem trabalhar nas empresas que eles gostam como consumidores", disse Kasia Do, gerente de projeto da Universum.
Outro possível motivo para tanto interesse pelo Google são as polítcas da empresa de capatacitação e recrutamento de grandes profissional. "A empresa promove muitas palestras e outros eventos nas áreas em que quer recrutar", afirmou Yolanda Mangolini, diretora de programas de "alcance" do Google.
A pesquisa entrevistou 10.306 jovens profissionais nos Estados Unidos com um a oito anos de experiência profissional. 

Novo MobileMe deve ser lançado em abril


Há duas semanas, surgiram boatos dizendo que a Apple estava organizando um evento em abril para apresentar a nova versão do iOS e o novo MobileMe. Os rumores dizem que o novo MobileMe seria gratuito e teria uma funcionalidade para armazenamento de fotos, vídeos e músicas na internet.
Na sexta-feira, uma fonte do iLounge disse que o novo MobileMe deverá mesmo ser lançado em abril e será gratuito. Segundo o site, o serviço será bem diferente do atual e a Apple continuará oferecendo suporte aos usuários atuais por pelo menos mais um ano.
De acordo com o Mac Stories, Steve Jobs havia dito por email que o MobileMe ficaria muito melhor em 2011. Em fevereiro, a Apple descontinuou as caixas do serviço vendidas em lojas físicas e a empresa pretende inaugurar o seu novo data center na primavera americana (outono no hemisfério sul), que começa nesta segunda-feira. 

Tablet conversível chega a Taiwan nesta sexta-feira


A Asus lança esta semana seu primeiro tablet com Android 3.0, o Eee Pad Transformer. Anunciado em janeiro durante a CES 2011, em Las Vegas, a máquina conversível, que conta com um teclado acoplável, entra em pré-venda inicialmente em Taiwan a partir de sexta-feira.
O Eee Pad Transformer é um tablet Android de 10 polegadas com processador Nvidia Tegra de dois núcleos e um teclado destacável, que o transforma em um netbook bastante funcional. O teclado também serve como protetor da tela de 10,1″ (1280 x 800), pois pode ser fechado.
A fabricante vai oferecer o Eee Pad Transformer em configurações com 16 GB de armazenamento (preço sugerido: US$ 399) e 32 GB de armazenamento (US$ 699). O equipamento conta ainda com leitor de cartões e portas USB.
O tablet usa o sistema operacional Android 3.0, codinome "Honeycomb", que traz novos aplicativos e funções adaptadas para a tela maior dos tablets, incluindo alguns apps do Google, como o Maps 5.0 com 3D integrado, e é compatível com aplicativos criados para os smartphones com a plataforma.

Japoneses exibem projeção de imagem tridimensional


Pesquisadores do Oshiro Laboratory da Universidade de Osaka exibiram, na última quinta-feira (17 de março), uma nova forma de projeção capaz de mostrar imagens tridimensionais. O invento, demonstrado durante a Interaction 2011, utiliza uma combinação de projetores que, juntos, são capazes de criar a ilusão necessária para o reconhecimento de imagens tridimensionais.
Em vez de optar pelo método tradicional, que usa superfícies planas como forma de observar imagens, os pesquisadores optaram pelo uso de uma máquina geradora de névoa para a exibição das imagens. Após calcular a forma como a luz é projetada, os pesquisadores usaram três projetores, cada um responsável pela projeção de uma imagem ligeiramente diferente.
O resultado é uma imagem tridimensional, que muda conforme o ângulo de observação de cada pessoa. Como se tratam de somente três imagens projetadas, não é possível ter uma visualização em 360 graus do objeto selecionado. Mesmo assim, o resultado obtido atualmente impressiona pelo baixo custo e pela criatividade.
A próxima etapa do projeto é o desenvolvimento de conteúdos mais proveitosos, além da descoberta de uma configuração que torne o meio de projeção mais estável. O Oshiro Laboratory espera que, no futuro, seja possível projetar imagens ainda mais realistas com o auxílio de mais projetores e telas de névoa com dimensões maiores.
O vídeo pode ser visto pelo atalho http://bit.ly/graFHz.

Sony e Nissan retomam produção em algumas fábricas do Japão

A Sony anunciou nesta segunda-feira que vai retomar parcialmente a produção em uma fábrica de baterias de íon de lítio em Tochigi, Japão, na terça-feira, deixando ainda seis fábricas fechadas, que produzem uma série de dispositivos desde cartões de circuito a discos Blu-ray. A gigante dos produtos eletrônicos é uma de dezenas companhias japonesas que fecharam fábricas e cortaram produção depois do terremoto e tsunami de 11 de março.
A Nissan Motor, segunda maior montadora de veículos do Japão, retomou de forma limitada operações em cinco fábricas no país nesta segunda-feira. A produção de veículos deve começar ainda esta semana. O Japão enfrenta uma crise humanitária e nuclear após o terremoto de 9 graus de magnitude e o tsunami que atingiram o país. A nação asiática é uma imporante produtora de componentes para a indústria global de bens eletrônicos e de veículos.
A Nissan informou em comunicado que vai retomar a produção de autopeças de reposição e componentes para produção no exterior que acontecem nas fábricas de Oppama, Tochigi, Yokohama, Kyushu e Nissan Shatai. A produção de veículos deve começar na quinta-feira e vai continuar até o término dos estoques de peças. A Nissan produz 22% de seus veículos no Japão.
A Toshiba divulgou que a produção segue interrompida em uma fábrica em Iwate que produz sistemas de chips LSI para microprocessadores e sensores de imagem. A companhia ainda informou que uma linha de montagem no Japão que produz pequenas telas de cristal líquido para celulares inteligentes e outros aparelhos ficará fechada por um mês para reparos em equipamentos. A Sony não tem certeza sobre quando poderá retomar suas operações. Algumas de suas fábricas produzem para outras companhias, incluindo clientes internacionais.
A Renesas, quinta maior fabricante de chips do mundo, interrompeu operações em oito de suas fábricas e também não tem uma estimativa sobre quando a produção será retomada. A empresa informou que não deverá iniciar a produção nas unidades paradas até que os cortes de energia, que devem durar até o final de abril, diminuam.

Primeiro TEDx de Santa Catarina será em julho


O primeiro TEDx de Santa Catarina já tem data para acontecer. O TEDxFloripa ocorrerá no dia 16 de julho na capital catarinense, informou no domingo a organização do evento.
O Teatro da Universidade Federal de Santa Catarina será o palco das discussões. "A ponte, as ilhas" foi o tema escolhido para expressar a diversidade da cidade sede. De acordo com a organização, o desafio do TEDxFloripa é ser, durante um dia, "um ponto de convergência de ideias, perpetuando novas ligações entre as ilhas, a Ilha e o Mundo".
No espírito das ideias que merecem ser espalhadas, foi criado em 1984 na Califórnia o TED. A partir disso, surgiu o TEDx, programa de eventos locais organizados de forma independente, que reúne pessoas para dividir uma experiência em palestras curtas.

Google é multado em 100 mil euros por coletar dados privados

A Comissão Francesa de Informática e Liberdades (CNIL) multou o Google em 100 mil euros por coletar dados privados através de seu polêmico programa Street View, indicou nesta segunda-feira o jornal Le Parisien/Aujourd'hui en France.
"Trata-se de uma multa recorde desde 2004, quando conseguimos o direito de impor sanções financeiras", explicou o secretário-geral da CNIL, Yann Padova, em entrevista ao jornal francês. Lançado em 2007, o Google Street View proporciona vistas panorâmicas das ruas em três dimensões, que permitem o deslocamento virtual do usuário pelas cidades, serviço que provoca polêmica em muitos países.
Em maio de 2010, o Google revelou que os carros que percorrem as ruas para tirar as fotografias necessárias à construção do programa haviam coletado sem querer dados pessoais (como e-mails e principalmente vídeos) transmitidos por wi-fi.
A CNIL estimou que os carros do Google "aspiravam" informações "desprotegidas que circulavam por um sinal de wi-fi" quando passavam. "O enriquecimento desse banco de dados foi feito de forma desleal com as pessoas, porque elas não sabiam" que eles estavam sendo recolhidos, explicou Padova.

Novo chip vai avisar quando pneu de caminhão estiver careca


A tecnologia RFID será utilizada no Brasil para identificar, em tempo real, as condições técnicas de pneus em caminhões. A novidade será implantada no país pela Goodyear, que já vendia o chip separadamente dos pneus.
Armazenando as informações de posição do veículo, quilometragem, pressão de ar e profundidade de sulco, o sistema de gerenciamento de frotas atualiza os dados via telemetria. O software utilizado é o Tire IQ. O primeiro modelo a receber a nova função será o 295/80R22.5 G658.
Integrado ao sistema RS Web, o usuário pode acessar as informações a partir de qualquer computador com internet. Os dados e funcionalidades do software podem ser atualizados em tempo real. Além disso, é possível gerar relatórios de todas as atividades de movimentação e manutenção.
O produto estará disponível para os consumidores brasileiros a partir do segundo semestre. A novidade foi apresentada durante a Goodyear Innovation Experience, realizada nesta semana na cidade de Americana, interior de São Paulo.

Apps para Twitter ajudam usuários a gerenciar contas online


Que o Twitter revolucionou a comunicação na internet com o seu novo conceito de microblog não é novidade. Com cinco anos de existência, o Twitter é o "espaço" virtual em que as pessoas podem saber o que os seus contatos estão pensando naquela hora, bem como trocar ideias, links e discutir assuntos que sejam pertinentes em cada momento.
As novidades da ferramenta ficam por conta dos inúmeros aplicativos criados para o Twitter. A ideia é que eles facilitem a vida do usuário e o ajudem a lidar com a enxurrada de posts que acaba por poluir as timelines, ou com seus milhares de seguidores. Entre os mais populares estão os que integram o microblog às redes sociais e que acabam auxiliando o internauta no gerenciamento das suas contas online. Abaixo seguem alguns dos principais apps para o Twitter.
Tweetfilter - Esse aplicativo filtra o Twitter dos assuntos que o usuário não quer receber mensagens, sejam elas quais forem. Basta determinar os parâmetros clicando no botão "Filter" e selecionar o que se deseja bloquear dentro do que foi dito na mensagem, como alguma hashtag, link, ou até mesmo, o próprio usuário que tuitou.
SmartTwitter - O aplicativo faz a integração com a mais popular rede social, o Facebook. O Twitter já tem diversos aplicativos que atualizam um status de usuário na rede social, mas o destaque do SmartTwitter, além de sua facilidade de usar, é que é possível filtrar mensagens com hashtags, retweets, @replies e @mentions, escolhendo se esses tipos de tweets aparecerão ou não na rede.
TweetDeck - Esse app foi criado utilizando a tecnologia AIR. Portanto, é necessário ter o Adobe AIR instalado em seu PC. O TweetDeck integra Twitter, Facebook, LinkedIn, Google Buzz, Foursquare e MySpace. Como outros aplicativos, sua interface com o Twitter API permite aos usuários enviar e receber tweets e ver perfis. Ele abre a ferramenta em colunas, e a primeira exibe as mensagens do usuário. Em "Group", é possível criar grupos com amigos seus do Twitter e acompanhar o que eles postam, muito semelhante a uma assinatura RSS. Já em "Search" é possível realizar buscas dentro do site, sobre qualquer assunto. Nos botões "Replies" e "Direct", o usuário adiciona uma coluna para cada um deles a fim de receber atualizações de respostas que foram feitas de posts publicados, além de mensagens de outras pessoas enviadas ao usuário. Com uma nova atualização do programa, é possível receber atualizações de quem você segue, de replies e até de mensagens diretas em tempo real.
Twitter para iPhone - É um aplicativo para iPhone, Android e Blackberry, e a versão para o iPhone também é compatível com iPod touch e com o novo iPad. Além de mostrar a linha de mensagens das pessoas que o usuário já segue, o Twitter tem pequenos truques que tornam seu uso muito mais fácil. A janela para criar novos tweets permite enviar fotos da câmera ou da biblioteca do aparelho, assim como marcar sua posição geográfica (geotag), encurtar links e criar hashtags. O Twitter para iPhone ainda possibilita seguir listas de usuários e consegue sugerir novas pessoas que possam interessar para o usuário.
Seesmic - É a versão para iPhone de um dos melhores aplicativos de Twitter para a plataforma Android, e se define como um programa que traz uma "perspectiva eficiente para redes sociais em uma plataforma móvel". Além do Twitter, ele consegue enviar mensagens para o Facebook e Ping.fm e, por consequência, para outros como MySpace, Tumblr, LinkedIn, Flickr, Blogger. O Seesmic mostra a linha de mensagens, menções e mensagens diretas a poucos cliques, assim como criar geotags e publicar links e fotos. O mais interessante é que ele permite usar mais de uma conta simultânea do Twitter (como uma pessoal e uma profissional, por exemplo).

Site lista 11 coisas que você não deve postar no Twitter

Pense antes de tuitar, sugere o site do The Huffington Post. O Twitter, como todos sabem, é uma ferramenta de comunicação utilizada por aqueles que gostam de protestar, jornalistas, astronautas e até funcionários públicos. Mas, de acordo com o The Huffington Post, os tuiteiros devem ter cautela,uma vez que o serviço de microblog é também frequentado por empregadores, seguradoras, agentes da lei e até mesmo por criminosos. E com os sites de busca como Google e Bing integrando em seus resultados as atualizações do Twitter, é preciso ter ainda mais cuidado com o que se tuita.
Cento e quarenta é tão pouco que se torna tentador atualizar o Twitter sem se pensar no impacto que um simples tweet pode ter. Especialistas concordam que os usuários devem refletir um momento antes de tuitar, especialmente se essas atualizações são públicas, pois esse momento de reconsideração pode lhe poupar o emprego, sua segurança pessoal e até sua reputação conforme alerta o The Huffington Post. É claro que a lista não deve ser levada ao pé da letra, especialmente por se tratar de uma lista feita por um site norte-americano, onde a realidade é bastante diferente da brasileira, mas nunca é demais prevenir, certo?
Confira abaixo 11 coisas que você não deve fazer no Twitter e protega-se:
1. Confissões e fofocas do trabalho: Se você está indignado com seu chefe ou jogando Hookey no trabalho, é melhor não tuitar sobre isso. Além disso, alerta Amber Yoo, do site PrivacyRights.org, tuitar suas opiniões sobre coisas relacionadas ao trabalho pode lhe trazer problemas. "A menos que seja brilhante, não poste opiniões sobre sua empresa, clientes, produtos e serviços. Os empregadores estão cada vez mais acompanhando a conduta do empregado no Twitter", diz Yoo. "Um tweet pode lhe custar um emprego se você não for cuidadoso".
2. Informações pessoais e íntimas: Deixe detalhes da sua vida pessoal fora do Twitter. Um simples tweet e você pode colocar em risco sua identidade ao revelar, por exemplo, data e local de nascimento, número de segurança social, nome de solteiro ou o nome de solteira da sua mãe. O próprio Twitter recomenda que as pessoas sejam cautelosas, principalmente por conta dos esquemas de phishing - forma de fraude em que o fraudador se faz passar por uma pessoa ou por uma empresa confiável. "As pessoas nem sempre são quem dizem ser por trás do seu perfil no Twitter e você deve ser cauteloso em qualquer troca de informações que peça dados de contato privados, informações pessoais ou senhas", explica a Central de Ajuda do Twitter.
3. Localização exata: A ferramenta de geolocalização de suas mensagens no Twitter pode ajudá-lo a compartilhar sua posição sem desperdiçar alguns de seus preciosos 140 caracteres. Porém, essas "geotags" podem também ser utilizadas por stalkers - perseguidores - para descobrir a sua localização. A boa notícia é que você pode jogar essa ferramenta fora a qualquer momento.
4. Cronograma de férias: Pode parecer estranho, mas os assaltantes, de acordo com o The Huffington Post, têm admitido que usam as redes sociais para planejar assaltos a residências. Se você compartilhar em um tweet público que está saindo de férias por uma semana, está dizendo também que sua casa está abandonada por uma semana.
5. Sua rotina: "Seja cuidadoso e não compartilhe detalhes de sua rotina", diz Amber Yoo, do site PrivacyRights.org. "Tuitar sobre andar até o trabalho, sobre onde você vai no seu intervalo para almoço, ou quando você volta para a casa pode ser perigoso porque permite que o criminoso o siga".
6. Nome dos seus filhos e a rotina deles: Crianças podem ser alvo fácil para predadores online e ladrões de identidade. Você pode manter seus filhos em segurança se deixar o nome deles fora das suas atualizações no Twitter e não postar onde você vai buscá-los e deixá-los todos os dias.
7. Atividades de risco: As companhias de seguros não são bobas. Nos últimos tempos, elas têm usado o Twitter para investigar pedidos de compensação e também para avaliar o cliente e os riscos que ele corre. Tuitar frequentes viagens com escaladas, por exemplo, podem resultar em valores mais altos das apólices. Se você já entrou com pedido de compensação da deficiência, ao menos nos EUA, sua companhia de seguros pode procurar seus tweets sobre as atividades de risco elevado e usá-las para complementar um caso contra você. É, cuidado.
8. Não troque ataques pessoais com outros usuários: A Central de Ajuda do Twitter recomenda que seus usuários não respondam ataques de provocadores: "Você pode encontrar no Twitter pessoas que você não gosta, que dizem coisas das quais você discorda e acha ofensivas. Por favor, permaneça cortês, mesmo se os outros não o forem. A retaliação pode reforçar o mau comportamento e apenas incentiva intimidações. Não responda ou retuite mensagens de bullying ou malvadas. Lembre-se que as coisas que você diz podem ser muito doloridas para as outras pessoas. Não se transforme num tirano".
9.Fotos com localidade: É arriscado publicar tweet com fotos que mostram como você se parece e como é a sua casa. Além disso, alguns smartphones incorporam automaticamente dados de geolocalização em suas fotos, fazendo com que você nem perceba o que está revelando com uma simples fotografia. Segundo o site PrivacyRights.org, sua localização em tempo real pode indicar onde é sua casa e endereços de trabalho, seus padrões de deslocamento, que instituição religiosa visita, quantas vezes vai ao médico, de que comícios políticos você participou e até mesmo se está procurando conselhos de um advogado.
10. Tweets picantes ou fotos inapropriadas: "Os empregadores verificam rotineiramente o Twitter antes de contratar um indivíduo para ter referências das redes sociais que ajudam na hora de escolher seus futuros empregados", diz o fundador do Reputation.com, Michael Fertik. Faça um uso melhor do que o senso comum do upload de fotos para o Twitter - se você não quer que seu chefe ou sua avó vejam, é provavelmente uma boa ideia se segurar e mantê-las offline.
11.Não conte cada detalhe da sua vida: Você pode achar que não, mas tuitar constantemente pode incomodar outros usuários. Peneirar tweets pode ser uma tarefa desagradável."Esse tipo de tweet torna-se irritante, toma espaço e manda a atenção para outros usuários, links e comentários para longe", escreveu a PC World, que complementa: "se você tem muito o que dizer, talvez devesse ter um blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fonte de noticias

celular
Powered by Blogger